sexta-feira, 15 de julho de 2011

Blogagem Coletiva Fases da Vida: maturidade.

Proposta feita pelos blogs:

"A verdadeira maturidade é atingir a seriedade de uma criança brincando."
(Søren Kierkegaard)





eu e sobrinho amado, 20/07/2007

28 comentários :

  1. Que linda participação. Adorei as fotos!

    Vim deixar um beijo e dizer que estou saindo em férias, e tem recado nos blogs. beijos,chica e inté,srsr

    ResponderExcluir
  2. oi Amiga, tudo bem? Obrigada pela visita e dizer que seus bordados estão lindos! A criançada vai adorar! bj Nina

    ResponderExcluir
  3. Linda sua participação, adorei as imagens...Eo sobrinho? É lindo!
    Grande abraço! Bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  4. Olá, querida
    No dia de hoje, espero encontrá-la assim:

    "Aquecida em ternos orvalhos de fina luz". (Mari Bózoli)

    Amiga, isso é que é falar pouco de dizer tudo... criança brincando: seriedade do coração puro!!!
    Lindo!!!

    E, quando retornar, no próximo mês, esteja perfumada:

    " Flores orvalhadas nas manhãs,
    banhadas pelo sereno do entardecer,
    carregadas de fragrâncias exóticas ou não,pálidas como a neve ou rubras de emoção". (Meliss)

    Bjs de paz e boas férias de meio de ano com tudo o que vc se sentir com direito... também estarei de férias até o início do mês com post programado alguns...

    ResponderExcluir
  5. Ana,
    Parei para refletir sobre essa frase e fiquei imaginando uma criança brincando muito tempo com jogos de encaixe, tentando descobrir a maneira certa de concluir o jogo a contento. Talvez, na maturidade, já tenhamos algumas soluções mais rápidas, mas seguimos aprendendo sempre, até mesmo com as crianças.
    O sobrinho pode ter saído sério nas fotos, mas é amado, isso que importa.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Concordo com a Roselia, falou pouco e disse tudo.
    Paz e bênção, querida! Vou lá visitar sua mamãe...

    ResponderExcluir
  7. uma maturidade bem vivida e com lembranças agradáveis.
    belas fotos
    bjos

    ResponderExcluir
  8. Parabéns,numa citação foi dito tudo.Bom fim de semana.Beijos

    ResponderExcluir
  9. Lindossss!
    AmadinhaLindo e feliz final de semana!!!
    Bjos Carinhosos!

    ResponderExcluir
  10. Ana,

    Gostei demais de sua participação. Poxa, essas fotos com o Vinícius falam por si.
    Linda essa frase.

    Lucinha é meu apelido de infância. Muitos, mesmo de minha família, não sabem ou esqueceram meu verdadeiro nome. Rs

    Aqui também. Já até me disseram que quando eu mudar meus documentos, será melhor mudar o nome também. Rs

    Obrigada pelo carinho de sempre. Amo seus comentários de da Mariazinha. Sinto-me muito acolhida.

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi!!
    Faço parte das blogueiras unidas e estou visitando todos os blogs cadastrados e seguindo.
    Venha me visitar:
    http://nivia-arteira.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Ana,muito lindas as suas fotos com seu sobrinho!Uma msg muito verdadeira!Bjs,

    ResponderExcluir
  13. Linda a tua participação, beijinhos

    ResponderExcluir
  14. Que pensamento maravilhoso!
    Obrigada pelo afeto de suas palavras.
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Que bacana sua participação. É a maturidade de uma tia. Um amor seu sobrinho. Bjs.

    ResponderExcluir
  16. Que lindos vocês...demonstrando logo cedo a cumplicidade e amor de família.
    Parabéns!
    Bjuss!!!

    ResponderExcluir
  17. Oi Ana!
    Como vai sua maturidade?
    Já atingiu essa serenidade de criança brincando?

    Um passarinho disse-lhe que vc gostaria de fazer uma tatu... então porque não faz? Não doi assim tanto! Ganhe coragem menina. Mas antes, pensa bem no desenho de modo a que seja simbolico de algo pra vc. Mais ainda escolha um sitio que vc não fique vendo a tatuagem a toda a hora. Mesmo quando não quer. Isto para não fartar. Por isso escolhi as costas, entendeu :)

    Beijo além-mar,
    Rute

    ResponderExcluir
  18. Olá, Ana Cristina!

    Muito bonito esse pensamento, e profundo. A seriedade da criança que brinca, não lhe tira a alegria, nem o ânimo, e nem faz com que ela esqueça dos seus amiguinhos. Tampouco essa brincadeira é enfadonha, pois, tudo que a criança empreende é por prazer. E se quando adultos conseguirmos essa façanha, aí sim, seremos maduros.
    Lindas as fotos, sua e do querido sobrinho (que é muito fofo).

    Beijos
    Socorro Melo

    ResponderExcluir
  19. Olá Ana, obrigada pela visitinha em minha participação,e vou ye dizer que esse pensamento fica aí para refletirmos, muito bonito e intenso , parabéns, um grande abraço fraterno em seu coração...

    ResponderExcluir
  20. Ana
    Que linda participação. Você disse tudo com tanto beleza e muito amor.

    Beijso no seu coração

    ResponderExcluir
  21. Adorei a frase e as fotos! Fiquei um tempo refletindo sobre "ter a seriedade de uma criança brincando" e o que ficou foi a dica de viver a vida com leveza, sempre :-) Beijos!

    ResponderExcluir
  22. Bom dia, tudo bem? Tem selinho lá no blog pra vc pode pegar todos ou só o que gostar, bom inicio de semana, bjos

    ResponderExcluir
  23. Oi Ana,
    voltei por causa do comentário que vc deixou no post de abertura da MELHOR IDADE:

    Queridas, vamos ser criativas!

    Eu, por exemplo, ainda não cheguei na 3ªidade, mas penso bastante nisso e é sobre um hipotético futuro que falarei.

    Mas há sempre a hipotese de falarmos da Velhice que testemunhamos em nossos familiares, amigos, vizinhos...

    Qualquer dúvida, eu ajudo a raciocinar, ok!
    Beijinhos,
    Rute

    ResponderExcluir
  24. Ana, Aninha, adoro crianças e essa sua postagem está linda com essa maturidade.
    Grata pela sua passagem carinhosa no Misturação.
    Agora vou conhecer o blog da sua mãe.
    Xeros

    ResponderExcluir
  25. Ana, que lindas imagens, o que a gente não faz por um sobrinho, não é mesmo!?
    Paz e bem

    ResponderExcluir
  26. Não sei o que deu no momento do meu comentário, se foi ou não..Volto depois para comentar de novo...

    ResponderExcluir
  27. oi, também adoro estar com meus filho junto aos livros. linda foto.
    vim através do blog das sua mãe, sou a Cléo do donamaricotafeliz
    bjoca

    ResponderExcluir
  28. Oiee!!
    Linda frase e verdadeira....ser maduro sem perder a doçura da criança que existe dentro de nós.
    Bjss♥e paz!!

    ResponderExcluir